terça-feira, 16 de agosto de 2016

Protocolo de Roteamento EIGRP

Enhanced Interior Gateway Routing Protocol (EIGRP)


Enhanced Interior Gateway Routing Protocol (EIGRP) é um protocolo de roteamento baseado em vetor de distância, contando com o Algoritmo Diffused Update Algorithm (DUAL) para calcular o caminho mais curto para um destino. É semelhante ao Interior Gateway Routing Protocol (IGRP) no cálculo da métrica, mas tem muitas melhorias, como a convergência rápida, atualizações incrementais e apoio para múltiplas camadas de protocolos IP, Internetwork Packet Exchange (IPX) e AppleTalk. Vale ressaltar também que o EIGRP anteriormente era proprietário Cisco, sendo assim sua implementação era restrita a equipamentos Cisco, porem a Cisco abriu o protocolo para outros fabricantes.

Características do protocolo EIGRP:

Tipo do Protocolo: vetor de distância.
Algoritmo: Para a melhor escolha da rota usa Diffusing Update Algorithm
(DUAL).
Protocolos suportados: IPv4, IPv6, IPX, e AppleTalk
Protocolo de transporte: IP/88
Máxima contagem de saltos: 255
Autenticação: Somente MD5
Multicast IP: 224.0.0.10
Distância Administrativa (Interna) AD: 90
Distância Administrativa AD (rota externa): 170
Distância Administrativa AD (rota sumarizada): 5

Configurando EIGRP

Para habilitar o EIGRP em um roteador Cisco, use o comando “router eigrp” seguido do número de sistema autônomo (AS) de sua rede e, em seguida, especifique as redes conectadas ao roteador usando o comando “network” seguido da rede.

Protocolo de Roteamento EIGRP
Protocolo de Roteamento EIGRP

Uma vez que a configuração eigrp é feita no roteador, ele tenta encontrar vizinhos enviando “pacotes Hello” utilizando multicast através do endereço 224.0.0.10. Uma vez que os roteadores troquem pacotes Hello eles se tornam adjacentes após verificar algumas condições. As condições abaixo devem “ser iguais” para que esse estabelecimento ocorra.

1 - número AS
2 - sub rede
3 - Métricas idênticas (valores de k)
4 - Autenticação.


Curtir Pagina no Facebook

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Samsung Galaxy S7 falha em teste de "Resistente à água"

samsung galaxy s7
Samsung Galaxy S7 Active

Um smartphone Samsung anunciado como sendo um produto resistente à água falhou em um teste de imersão em água.


O Samsung Galaxy S7 Active parou de funcionar depois de ser colocado em um tanque que simulou o efeito de cerca de 5 pés (1,5m) debaixo d'água. O teste foi realizado em dois aparelhos do mesmo modelo pelo site Consumer Reports.

Quando removido da água depois de meia hora, o display do primeiro telefone parou de responder e ficou marcado por linhas verdes. Bolhas também apareceu em suas duas lentes da câmera. O segundo aparelho submetido ao mesmo teste sofreu falhas semelhantes.

O website da Samsung afirmou que o Galaxy S7 Active, que é vendido nos EUA, é certificado IP68. A classificação de proteção internacional significa que o telefone pode suportar "imersão contínua em água".

Também foram testados os modelos padrão Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge, que também são certificados IP68, mas não tinha sofrido danos causados ​​pela água durante as mesmas condições de teste.

A Samsung disse que tinha recebido "muito poucas queixas" sobre a questão, e que os aparelhos devem ser abrangidos pela garantia.

Curtir pagina no Facebook

Smartphone Samsung